Escritórios virtuais e inteligentes são apostas estratégicas de pequenos empreendedores

Coworking é que um escritório virtual, localizado em um endereço fixo, compartilhado por empreendedores de diversos segmentos e diferentes empresas, que oferece a eles alguns serviços operacionais.

Esse tipo de escritório é ainda uma novidade, mas já existem muitos atuando no Brasil, afinal, a quantidade de pequenos empreendedores é cada vez maior, em especial com o crescimento do mercado online e também da atuação das startups.

Basicamente os empresários pagam um aluguel para usar o espaço, que vem equipado com mesas, cadeiras, estrutura de TI e salas para reuniões. Alguns possuem ainda serviços de secretária, motoboy e faxineira, o que facilita muito o trabalho de quem usa o local.

Para alguns empresários essa é também uma oportunidade de trocas e networking com outros empreendedores, podendo até abrir portas para novos negócios. Para melhorar, o isolamento é evitado, uma vez que os pequenos empreendedores costumam trabalhar sozinhos em salas comerciais ou em casa.

Com relação a esse ponto, algumas pessoas têm grande dificuldade de “fugir” da televisão e de uma soneca nos momentos de cansaço. Para elas o coworking é uma grande oportunidade, pois o espaço facilita um foco maior no trabalho. Em outros casos, o empresário tem variáveis em casa que podem atrapalhar sua concentração, como filhos, diarista e até o cachorro. Tudo isso interfere consumindo o tempo das tarefas e consequentemente das entregas.

Mas para que tudo funcione bem, os coworkings mantém algumas regras importantes de convivência. Geralmente eles possuem horários de funcionamento e até mesmo normas com relação a vestimenta, o que torna o ambiente mais corporativo.

Outras regras de etiqueta como ter cuidado com o tom de voz, manter o celular no modo vibratório e um volume baixo no computador e ter discrição, em especial com o tom das brincadeiras, são algumas delas, que garantem um ambiente profissional, sempre pensando no bem-estar de todas as pessoas.

Um ponto importante com relação às regras de etiqueta é quando se trata da organização e da limpeza do espaço utilizado pelo empreendedor. É importante que ele evite papéis espalhados pela mesa e fios de notebook enrolados. Além disso, a tentativa de vendas de serviços individuais pode ser muito desagradável. Esse tipo de abordagem atrapalha a concentração das pessoas e dificilmente uma venda feita dessa forma será satisfatória. A coletividade que o espaço promove pode fazer surgir oportunidades de novos negócios, mas a promoção individual de um produto é bastante diferente do propósito do espaço.

Uma observação bastante importante para quem procura um lugar como esse é com relação à segurança, em especial nos coworkings localizados em grandes cidades. Fique atento e pesquise bem o espaço que vai escolher para trabalhar. Clique aqui para saber mais sobre segurança em coworking.